Liturgia

13º DOMINGO - TEMPO COMUM

É um santo homem de Deus, este que passa em nossa casa.
Leitura do Segundo Livro dos Reis 4, 8-11. 14-16ª
Certo dia, Eliseu passou por Sunam. Lá morava uma senhora rica, que insistiu para que fosse comer em sua casa. Depois disso, sempre que passava por lá, Eliseu parava na casa dessa mulher para fazer suas refeições.
E ela disse ao marido: 'Tenho observado que este homem, que passa tantas vezes por nossa casa, é um santo homem de Deus.
Façamos para ele, no terraço, um pequeno quarto de alvenaria, onde colocaremos uma cama, uma mesa, uma cadeira e um candeeiro. Assim, quando vier à nossa casa, poderá acomodar-se ali'.
Um dia, Eliseu passou por Sunam e recolheu-se àquele pequeno quarto para descansar.
E perguntou a Giezi, seu servo: 'Que se poderia fazer por esta mulher?' Giezi respondeu: 'É inútil perguntar-lhe; ela não tem filhos e seu marido já é velho'.
Eliseu mandou então que a chamasse. Ele chamou-a e ela pôs-se à porta.
Eliseu disse-lhe: 'Daqui a um ano, neste tempo, estarás com um filho nos braços'.
Palavra do Senhor.
Ao Senhor, eu cantarei, eternamente, o vosso amor.
Ao Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor, / de geração em geração eu cantarei vossa verdade!Porque dissestes: 'O amor é garantido para sempre!' / E a vossa lealdade é tão firme como os céus.
R.
Quão feliz é aquele povo que conhece a alegria; / seguirá pelo caminho, sempre à luz de vossa face!Exultará de alegria em vosso nome dia a dia, / e com grande entusiasmo exaltará vossa justiça.
R.
Pois sois vós, ó Senhor Deus, a sua força e sua glória, / é por vossa proteção que exaltais nossa cabeça. Do Senhor é o nosso escudo, ele é nossa proteção, / ele reina sobre nós, é o Santo de Israel!
R.
Sepultados com ele pelo batismo,
vivamos uma nova vida!
Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos 6, 3-4. 8-11
Irmãos:
Será que ignorais que todos nós, batizados em Jesus Cristo, é na sua morte que fomos batizados?
Pelo batismo na sua morte, fomos sepultados com ele, para que, como Cristo ressuscitou dos mortos pela glória do Pai, assim também nós levemos uma vida nova.
Se, pois, morremos com Cristo, cremos que também viveremos com ele.
Sabemos que Cristo ressuscitado dos mortos não morre mais; a morte já não tem poder sobre ele.
Pois aquele que morreu, morreu para o pecado uma vez por todas; mas aquele que vive, é para Deus que vive.
Assim, vós também considerai-vos mortos para o pecado e vivos para Deus, em Jesus Cristo.
Palavra do Senhor.
Quem não toma a sua cruz não é digno de mim.
Quem vos recebe a mim recebe.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 10, 37-42
Naquele tempo, disse Jesus a seus apóstolos:
Quem ama seu pai ou sua mãe mais do que a mim, não é digno de mim. Quem ama seu filho ou sua filha mais do que a mim, não é digno de mim.
Quem não toma a sua cruz e não me segue, não é digno de mim.
Quem procura conservar a sua vida vai perdê-la. E quem perde a sua vida por causa de mim, vai encontrá-la.
Quem vos recebe, a mim recebe; e quem me recebe, recebe aquele que me enviou.
Quem recebe um profeta, por ser profeta, receberá a recompensa de profeta. E quem recebe um justo, por ser justo, receberá a recompensa de justo.
Quem der, ainda que seja apenas um copo de água fresca, a um desses pequeninos, por ser meu discípulo, em verdade vos digo: não perderá a sua recompensa. '
Palavra da Salvação.

SANTO IRINEU, BISPO E MÁRTIR - SANTORAL

O servo do Senhor não deve ser briguento,
mas manso para com todos.
Leitura da Segunda Carta de São Paulo a Timóteo 2, 22b-26
Caríssimo:
Procura a justiça, a fé, a esperança, a caridade e a paz com aqueles que invocam o Senhor com o coração puro.
Nega-te a disputas estultas e sem finalidade, certo de que geram contendas.
Porque o servo do Senhor não deve ser briguento, mas manso para com todos, capaz de ensinar e paciente.
Deve corrigir com mansidão os que resistem à verdade, na esperança de que Deus lhes conceda converter-se ao conhecimento da verdade,
e de que voltem com sensatez à sua vontade, livrando-se dos laços do demônio, que os tem presos.
Palavra do Senhor.
O justo tem nos lábios o que é sábio.
Confia no Senhor e faze o bem, / e sobre a terra habitarás em segurança. Coloca no Senhor tua alegria, / e ele dará o que pedir teu coração.
R.
Deixa aos cuidados do Senhor o teu destino; / confia nele, e com certeza ele agirá. Fará brilhar tua inocência como a luz, / e o teu direito, como o sol do meio-dia.
R.
O justo tem nos lábios o que é sábio, / sua língua tem palavras de justiça; traz a Aliança do seu Deus no coração, / e seus passos não vacilam no caminho.
R.
Para que eles cheguem à unidade perfeita.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João 17, 20-26
Naquele tempo, Jesus levantou os olhos ao céu e disse: Pai Santo,
eu não te rogo somente por eles, mas também por aqueles que vão crer em mim pela sua palavra,
para que todos sejam um como tu, Pai, estás em mim e eu em ti, e para que eles estejam em nós, a fim de que o mundo creia que tu me enviaste.
Eu dei-lhes glória que tu me deste, para que eles sejam um, como nós somos um:
eu neles e tu em mim, para que assim eles cheguem à unidade perfeita e o mundo reconheça que tu me enviaste e os amaste, como me amaste a mim.
Pai, aqueles que me deste, quero que estejam comigo onde eu estiver, para que eles contemplem a minha glória, glória que tu me deste porque me amaste antes da fundação do universo.
Pai justo, o mundo não te conheceu, mas eu te conheci, e estes também conheceram que tu me enviaste.
Eu lhes fiz conhecer o teu nome, e o tornarei conhecido ainda mais, para que o amor com que me amaste esteja neles, e eu mesmo esteja neles'.
Palavra da Salvação.