Liturgia

4ª-FEIRA DA 27ª SEMANA - TEMPO COMUM

Reconheceram a graça que me foi dada.
Leitura da Carta de São Paulo aos Gálatas 2, 1-2. 7-14
Irmãos:
Quatorze anos mais tarde, subi, de novo, a Jerusalém, com Barnabé, levando também Tito comigo.
Fui lá, por causa de uma revelação. Expus-lhes o evangelho que tenho pregado entre os pagãos, o que fiz em particular aos líderes da Igreja, para não acontecer estivesse eu correndo em vão ou tivesse corrido em vão.
Pelo contrário, viram que a evangelização dos pagãos foi confiada a mim, como a Pedro foi confiada a evangelização dos judeus.
De fato, aquele que preparou Pedro para o apostolado entre os judeus preparou-me também a mim para o apostolado entre os pagãos.
Reconhecendo a graça que me foi dada, Tiago, Cefas e João, considerados as colunas da Igreja, deram-nos a mão, a mim e a Barnabé, como sinal de nossa comunhão recíproca. Assim ficou confirmado que nós iríamos aos pagãos e eles iriam aos judeus.
O que nos recomendaram foi somente que nos lembrassemos dos pobres. E isso procurei fazer sempre, com toda a solicitude.
Mas, quando Cefas chegou a Antioquia, opus-me a ele abertamente, pois ele merecia censura.
Com efeito, antes que chegassem alguns da comunidade de Tiago, ele tomava refeição com os gentios. Mas, depois que eles chegaram, Cefas começou a esquivar-se e a afastar-se, por medo dos circuncidados.
E os demais judeus acompanharam-no nessa dissimulação, a ponto de até Barnabé se deixar arrastar pela hipocrisia deles.
Quando vi que não estavam procedendo direito, de acordo com a verdade do Evangelho, disse a Cefas, diante de todos: 'Se tu, que és judeu, vives como pagão e não como judeu, como podes obrigar os pagãos a viverem como judeus?
Palavra do Senhor.
Ide, por todo o mundo, e a todos pregai o Evangelho.
Ou: Aleluia, Aleluia, Aleluia.
Cantai louvores ao Senhor, todas as gentes, / povos todos, festejai-o!
R.
Pois comprovado é seu amor para conosco, / para sempre ele é fiel!
R.
Senhor, ensina-nos a rezar.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 11, 1-4
Um dia, Jesus estava rezando num certo lugar. Quando terminou, um de seus discípulos pediu-lhe: 'Senhor, ensina-nos a rezar, como também João ensinou a seus discípulos. '
Jesus respondeu: 'Quando rezardes, dizei: 'Pai, santificado seja o teu nome. Venha o teu Reino.
Dá-nos a cada dia o pão de que precisamos,
e perdoa-nos os nossos pecados, pois nós também perdoamos a todos os nossos devedores; e não nos deixes cair em tentação'. '
Palavra da Salvação.

NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO - SANTORAL

Todos eles perseveravam unânimes na oração.
Leitura dos Atos dos Apóstolos 1, 12-14
Depois que Jesus foi elevado ao céu,
os apóstolos voltaram para Jerusalém, vindo do monte das Oliveiras, que fica perto de Jerusalém, a mais ou menos um quilômetro.
Entraram na cidade e subiram para a sala de cima, onde costumavam ficar. Eram Pedro e João, Tiago e André, Filipe e Tomé, Bartolomeu e Mateus, Tiago, filho de Alfeu, Simão Zelota e Judas, filho de Tiago.
Todos eles perseveravam na oração em comum, junto com algumas mulheres, entre as quais Maria, móe de Jesus, e com os irmãos de Jesus.
Palavra do Senhor
O Senhor se lembrou de mostrar sua bondade.
A minh'alma engrandece ao Senhor, e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador,
R.
pois, ele viu a pequenez de sua serva, / eis que agora as gerações hão de chamar-me de bendita. O Poderoso fez por mim maravilhas / e Santo é o seu nome!
R.
Seu amor, de geração em geração, / chega a todos que o respeitam. Demonstrou o poder de seu braço, / dispersou os orgulhosos.
R.
Derrubou os poderosos de seus tronos / e os humildes exaltou. De bens saciou os famintos / e despediu, sem nada, os ricos.
R.
Acolheu Israel, seu servidor, / fiel ao seu amor, como havia prometido aos nossos pais, / em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre.
R.
Eis que conceberás e darás à luz um filho.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 1, 26-38
Naquele tempo:
O anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré,
a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José. Ele era descendente de Davi e o nome da virgem era Maria
O anjo entrou onde ela estava e disse: 'Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!'
Maria ficou perturbada com estas palavras e começou a pensar qual seria o significado da saudação.
O anjo, então, disse-lhe: 'Não tenhas medo, Maria, porque encontraste graça diante de Deus.
Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus.
Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi.
Ele reinará para sempre sobre os descendentes de Jacó, e o seu reino não terá fim'.
Maria perguntou ao anjo: 'Como acontecerá isso, se eu não conheço homem algum?'
O anjo respondeu: 'O Espírito virá sobre ti, e o poder do Altissimo te cobrirá com sua sombra. Por isso, o menino que vai nascer será chamado Santo, Filho de Deus.
Também Isabel, tua parenta, concebeu um filho na velhice. Este já é o sexto mês daquela que era considerada estéril,
porque para Deus nada é impossível'.
Maria, então, disse: 'Eis aqui a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra!' E o anjo retirou-se.
Palavra da Salvação.