Liturgia

SÁBADO DA 3ª SEMANA - PÁSCOA

A Igreja consolidava-se e
crescia em número com a ajuda do Espírito Santo.
Leitura dos Atos dos Apóstolos 9, 31-42
Naqueles dias:
A Igreja, vivia em paz em toda a Judéia, Galiléia e Samaria. Ela consolidava-se e progredia no temor do Senhor e crescia em número com a ajuda do Espírito Santo.
Pedro percorria todos os lugares; e visitou também os fiéis que moravam em Lida.
Encontrou aí um homem chamado Enéias, que estava paralítico e, há oito anos, jazia numa cama.
Pedro disse-lhe: 'Enéias, Jesus Cristo te cura! Levanta-te e arruma a tua cama!' Imediatamente Enéias se levantou.
Todos os habitantes de Lida e da região do Saron viram isso e se converteram ao Senhor.
Em Jope, havia uma discípula chamada Tabita, nome que quer dizer Gazela. Eram muitas as boas obras que fazia e as esmolas que dava.
Naqueles dias ela ficou doente e morreu. Então lavaram seu corpo e o colocaram no andar superior da casa.
Como Lida ficava perto de Jope, e ouvindo dizer que Pedro estava lá, os discípulos mandaram dois homens com um recado: 'Vem depressa até nós!'
Pedro partiu imediatamente com eles. Assim que chegou, levaram-no ao andar superior, onde todas as viúvas foram ao seu encontro. Chorando, elas mostravam a Pedro as túnicas e mantos que Tabita havia feito, quando vivia com elas.
Pedro mandou que todos saíssem. Em seguida, pôs-se de joelhos e rezou. Depois, voltou-se para o corpo e disse: 'Tabita, levanta-te!' ela então abriu os olhos, viu Pedro e sentou-se.
Pedro deu-lhe a mão e ajudou-a a levantar-se. Depois chamou os fiéis e as viúvas e apresentou-lhes Tabita viva.
O fato ficou conhecido em toda a cidade de Jope e muitos acreditaram no Senhor.
Palavra do Senhor.
Que poderei retribuir ao Senhor Deus, por tudo aquilo que ele fez em meu favor?
Ou: Aleluia, Aleluia, Aleluia.
Que poderei retribuir ao Senhor Deus / por tudo aquilo que ele fez em meu favor?Elevo o cálice da minha salvação, / invocando o nome santo do Senhor.
R.
Vou cumprir minhas promessas ao Senhor / na presença de seu povo reunido. É sentida por demais pelo Senhor / a morte de seus santos, seus amigos.
R.
Eis que sou o vosso servo, ó Senhor, / que nasceu de vossa serva; / mas me quebrastes os grilhões da escravidão!Por isso oferto um sacrifício de louvor, / invocando o nome santo do Senhor.
R.
A quem iremos? Tu tens palavras de vida eterna.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João 6, 60-69
Naquele tempo:
muitos dos discípulos de Jesus que o escutaram, disseram: 'Esta palavra é dura. Quem consegue escutá-la?'
Sabendo que seus discípulos estavam murmurando por causa disso mesmo, Jesus perguntou: 'Isto vos escandaliza?
E quando virdes o Filho do Homem subindo para onde estava antes?
O Espírito é que dá vida, a carne não adianta nada. As palavras que vos falei são espírito e vida.
Mas entre vós há alguns que não crêem'. Jesus sabia, desde o início, quem eram os que não tinham fé e quem havia de entregá-lo.
E acrescentou: 'É por isso que vos disse: ninguém pode vir a mim a não ser que lhe seja concedido pelo Pai'.
A partir daquele momento, muitos discípulos voltaram atrás e não andavam mais com ele.
Então, Jesus disse aos doze: 'Vós também vos quereis ir embora?'
Simão Pedro respondeu: 'A quem iremos, Senhor? Tu tens palavras de vida eterna.
Nós cremos firmemente e reconhecemos que tu és o Santo de Deus'.
Palavra da Salvação.

SÃO FIDÉLIS DE SIGMARINGA, PRESB. E MÁRTIR - SANTORAL

Eu sirvo à Igreja, exercendo o cargo que Deus me confiou.
Leitura da Carta de São Paulo aos Colossenses 1, 24-29
Irmãos:
Agora alegro-me de tudo o que já sofri por vós e procuro completar na minha própria carne o que falta das tribulações de Cristo, em solidariedade com o seu corpo, isto é, a Igreja.
A ela eu sirvo, exercendo o cargo que Deus me confiou de vos transmitir a palavra de Deus em sua plenitude:
o mistério escondido por séculos e gerações, mas agora revelado aos seus santos.
A estes Deus quis manifestar como é rico e glorioso entre as nações este mistério: a presença de Cristo em vós, a esperança da glória.
Nós o anunciamos, admoestando a todos e ensinando a todos, com toda sabedoria, para a todos tornar perfeitos em sua união com Cristo.
Para isso eu me esforço com todo o empenho, sustentado pela sua força que em mim opera.
Palavra do Senhor.
De todos os temores o Senhor me libertou.
Bendirei o Senhor Deus em todo o tempo, / seu louvor estará sempre em minha boca. Minha alma se gloria no Senhor; / que ouçam os humildes e se alegrem!
R.
Comigo engrandecei ao Senhor Deus, / exaltemos todos juntos o seu nome!Todas as vezes que o busquei, ele me ouviu, / e de todos os temores me livrou.
R.
Contemplai a sua face e alegrai-vos, / e vosso rosto não se cubra de vergonha!Este infeliz gritou a Deus, e foi ouvido, / e o Senhor o libertou de toda angústia.
R.
O anjo do Senhor vem acampar / ao redor dos que o temem, e os salva. Provai e vede quão suave é o Senhor! / Feliz o homem que tem nele o seu refúgio!
R.
Para que eles cheguem à unidade perfeita.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João 17, 20-26
Naquele tempo, Jesus levantou os olhos ao céu e disse: Pai Santo,
eu não te rogo somente por eles, mas também por aqueles que vão crer em mim pela sua palavra,
para que todos sejam um como tu, Pai, estás em mim e eu em ti, e para que eles estejam em nós, a fim de que o mundo creia que tu me enviaste.
Eu dei-lhes glória que tu me deste, para que eles sejam um, como nós somos um:
eu neles e tu em mim, para que assim eles cheguem à unidade perfeita e o mundo reconheça que tu me enviaste e os amaste, como me amaste a mim.
Pai, aqueles que me deste, quero que estejam comigo onde eu estiver, para que eles contemplem a minha glória, glória que tu me deste porque me amaste antes da fundação do universo.
Pai justo, o mundo não te conheceu, mas eu te conheci, e estes também conheceram que tu me enviaste.
Eu lhes fiz conhecer o teu nome, e o tornarei conhecido ainda mais, para que o amor com que me amaste esteja neles, e eu mesmo esteja neles'.
Palavra da Salvação.